Adeus, Mister!

Túlio: “Ola, Mister”

Túlio Sidney Ricardo, personagem conhecido de Pelotas, foi sepultado ontem, sexta-feira (4), após sucumbir a um AVC.

Henrique Pires, ex-secretário nacional de Cultura, atualmente assessor especial na prefeitura, registrou:

Túlio fazia a linha “Harlen”, com pantalonas boca de sino, blazers muito bem cortados, chapéus maneiros… Adorava usar conjuntos imaculadamente brancos, do sapato ao colete, a calça e o casaco idem, sendo a gravata colorida perfeitamente agregada ao conjunto.

Tinha coleção de chapéus, que levantava levemente da cabeça ao passar pela gente, quando fazia a saudação que lhe deu alcunha: “Olá, Mister!”

Lembro dele chegando no Café Aquário, desembarcando do seu Galaxie Landau. Na época, diziam que tinha uma empresa de jardinagem, especializada em colocar leivas de grama nas encostas de estradas federais, que tinha conseguido bons contratos. Não sei se procede, de qualquer modo ninguém o classificaria como pobre; pelo contrário, era um abonado!

Personagem de filme, circulando elegantemente na Pelotas dos anos 70 e 80, merecia uma biografia, curta que fosse, com lista de filhos, amores, histórias.

Que descanse em paz!

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.