Senadores pedem ao STF que investigue Bolsonaro por prevaricação

ice-presidente da CPI da Pandemia, o senador Randolfe Rodrigues ( REDE-AP) protocolou nessa segunda-feira (28) uma notícia-crime contra o presidente Jair Bolsonaro por prevaricação no caso da aquisição dos imunizantes indianos da Covaxin.

“Protocolei no Supremo Tribunal Federal uma notícia-crime por conta da grave denúncia envolvendo o presidente da República, de que não tomou nenhuma providência diante de ter sido noticiado da existência de um gigantesco esquema de corrupção existente no Ministério da Saúde”, disse o senador.

“Prevaricação é crime exposto no Código Penal e, por isso, compreendemos a necessidade do Supremo Tribunal Federal e a Procuradoria-Geral da República instaurarem um procedimento de investigação”, continuou.

O documento também é assinado pelos senadores  Fabiano Contarato (Rede-ES) e Jorge Kajuru (Podemos-GO).

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.