Connect with us

Pelotas e RS

Enfim, vão restaurar e reativar o antigo prédio da “Secretaria de Finanças”

Publicado

on

A prefeita Paula anunciou em live nesta segunda-feira (2) que o antigo prédio da Secretaria das Finanças (tb antiga agência do Banco do Brasil), em diagonal à prefeitura, será restaurado e reativado, em parceria com o Sistema Fecomércio. Além disso, os dois anexos abrigarão uma escola de gastronomia do Senac.

A ideia é que o espaço tenha também uma cafeteria e um memorial aos doces de Pelotas.

Paula diz que o custo estimado da obra é de R$ 11 milhões. Do total, a prefeitura entrará com R$ 5 milhões. A Fecomércio entrará com o restante.

Por meio de uma transmissão on-line, a prefeita detalhou algumas investidas para a recuperação e destinação do prédio. “Todos os anos e meses da minha gestão, tenho pensado nesse prédio. Toda vez que chego à Prefeitura, eu olho e ele está aqui me dizendo, como que me pedindo um caminho para poder abrir as portas para comunidade de Pelotas, para ser recuperado”, refletiu.

Parceria com a Fecomércio

Estimulada pelo programa Iconicidades do governo do Estado, para realização de projetos representativos para as cidades, Paula, mais uma vez, pensou em incluir a edificação histórica da Praça para concorrer no edital de fomento. Entretanto, faltava um parceiro para viabilizar a obra e uma destinação relevante para o local, que também incluísse o turismo. Foi então que a Fecomércio aceitou o desafio de recuperar o prédio e ocupá-lo com uma Escola de Gastronomia do Senac.

O presidente da Fecomércio ressaltou que a conversa sobre o prédio, emblemático, segundo ele, já vinha de algum tempo, e disse estar muito feliz pelo projeto ter dado certo. “Aceitamos o desafio e vamos, sim, restaurar, junto com a Prefeitura, esse prédio histórico, tão bonito, e estabelecer a nossa Escola de Gastronomia. Fico muito feliz de fazer o anúncio dessa união que deu certo”, disse Bohn, ao agradecer o empenho do vice-presidente da instituição, Gilmar Bazanella, também secretário de Desenvolvimento, Turismo e Inovação do Município.

Restauro assegurado 

O projeto arquitetônico para a recuperação do prédio histórico já foi apresentado ao Iconicidades, mas, independentemente de ser selecionado, o martelo já foi batido quanto à recuperação e destinação. A projeção é que o restauro fique orçado entre R$ 10 e 12 milhões. A Prefeitura garantirá R$ 5 milhões e a Fecomércio aportará o restante.

Publicidade

“A grande notícia é que nós encontramos uma forma de salvar o último prédio histórico sem restauração no entorno da Praça Coronel Pedro Osório”, frisou a prefeita.    

Prédio histórico e antiga sede do BB

Localizado no Centro Histórico de Pelotas, na esquina da praça Coronel Pedro Osório com rua 15 de Novembro (Largo do Mercado Central), o prédio foi construído entre os anos de 1926 e 1928 para sediar a 19ª agência do Banco do Brasil no país. Tempos depois, o edifício foi ocupado pela Secretaria de Finanças, até 2010, quando foi fechado. Naquela época, o prédio foi cedido à Câmara de Vereadores, que chegou a fazer um projeto para restauração, mas desistiu do seu uso.

O imóvel é integrante do patrimônio cultural do Município, protegido pela Lei 4568/2000. Também é um dos bens que recebeu indicação de Tombamento Parcial Federal, em 2018, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). 

Como seria financeiramente inviável ao Município executar a restauração completa do prédio, o plano para protegê-lo é a alienação, ou seja, passá-lo a quem terá condições de preservá-lo. Enquanto isso não ocorre, diversas ações paliativas, de caráter emergencial, foram executadas para manutenção do imóvel, com o objetivo de conter sua degradação e evitar mais danos à estrutura, provocados pelo tempo.

Em 2019, foi contratada uma empresa especializada para limpeza que retirou 14 coletoras de material orgânico, proveniente da invasão de pombos e morcegos e, também, foram instaladas telas de proteção na fachada e vidros nas janelas, para coibir a entrada de animais e invasores. Ainda foi providenciada a atualização do laudo técnico sobre a estabilidade estrutural da cúpula e telhado. O documento apontou a necessidade urgente de estabilização estrutural. Em maio de 2020, foi aprovado o uso de recursos do Fundo de Preservação, em reunião virtual do Conselho Gestor, e foi contratada uma empresa de engenharia, que fez o projeto da obra de estabilização da estrutura do prédio. 

A Prefeitura concluiu o processo licitatório para contratação da empresa que irá executar o projeto. A previsão é que a obra para estabilização da estrutura comece nos próximos meses.

Publicidade
1 Comment

1 Comment

  1. Alarico

    02/08/21 at 15:39

    Ótima sacada!!!
    Tomara que o SENAC faça ali um Restaurante Escola semelhante à Escola de Gastronomia do Pelourinho, em Salvador. É turismo e gastronomia na veia central da cidade.
    Parabéns Prefeita!
    E viva a iniciativa privada, que realmente se importa com a cidade.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor.

Especial

UCPel transfere temporariamente atendimentos do Campus Saúde

Publicado

on

Os pacientes dos ambulatórios de Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia do Campus Saúde da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) estão sendo atendidos em um novo endereço. Já está funcionando o Centro Acadêmico de Saúde (CAS), localizado na rua General Telles, n°868. A mudança, que deve durar cerca de um ano e meio, foi motivada pelas obras de ampliação do Campus Saúde, localizado no bairro Três Vendas.

O novo local ligado aos serviços de saúde prestados pela UCPel foi locado e está em funcionamento desde a segunda semana de janeiro. O prédio, que já foi um hotel, passou por uma reestruturação para receber os pacientes e também para garantir o exercício da prática acadêmica.

O Escritório Modelo de Engenharia e Arquitetura da Católica (EMEA/UCPel), foi o responsável pelas mudanças, entre elas, o deslocamento de mobiliário e equipamentos do Campus Saúde para o CAS. “No antigo ambiente de um restaurante foram criadas com divisórias as salas de professores, de espera, de estudos e lounge para alunos e docentes. Também estamos instalando ventiladores e condicionadores de ar, além de bebedouros”, relata a gerente de Infraestrutura e do EMEA, Débora Bourscheid. O prédio possui quatro andares, mas o CAS está ocupando apenas os três primeiros.

Estrutura

Segundo a gerente administrativa do curso de Medicina da UCPel, Daiane Dias, o Centro Acadêmico de Saúde possui:

– 30 consultórios;

Publicidade

– 6 salas de estudos;

– 2 postos de enfermagem;

– 1 sala de professores;

– 1 sala de microscópios; e, 

– 1 lounge para alunos e professores.

Além das áreas específicas para atendimento, a estrutura ainda é composta por sala de triagem, recepção, sala de espera central no andar térreo, espaços de espera nos demais andares, além de copa, vestiários e sanitários em todos os consultórios e salas de estudo. 

Orientações à população

Publicidade

Assim como a equipe de funcionários, docentes e professores que atuavam no Campus Saúde, foi mantida, os horários de atendimento à população também são os mesmos – das 7h às 17h, de segunda à sexta-feira. O responsável pela gestão do Ambulatório do Campus da Saúde, Brenno Victoria, explica que a população atendida pelas especialidades atingidas pela mudança será encaminhada pela Secretaria Municipal de Saúde ao novo endereço e os retornos serão agendados pelo setor administrativo do CAS. Quem tiver dúvidas pode ligar para (53)21288500, ramais 3080 e 3081.

Continue Reading

Especial

Covid / Prefeitura diz: “Caso necessário, reativaremos leitos em hospitais”

Publicado

on

Consultada pelo Amigos, a prefeitura respondeu:

A Secretaria de Saúde mantém contato com os hospitais para que, caso seja necessário, possa reativar leitos clínicos e de UTI, mas essa reabertura não é tão rápida, pois envolve uma série de fatores, como a disposição de espaço e de equipes médicas de retaguarda, que precisam ser exclusivas para atender pacientes Covid e também de financiamento federal. Caso isso aconteça, será divulgado.

Continue Reading

Pandemia

Pelotas tem recorde de infectados: 1314 em 24 horas. Todos os leitos estão ocupados

Publicado

on

Pelotas registrou nesta quarta-feira (26) o maior número de infectados pela covid em 24 horas, desde o começo da pandemia: 1314.

A ocupação dos 16 leitos de UTI está em 100%.

Já a ocupação de leitos de enfermaria está, segundo o painel covid da prefeitura, disponível na internet, em 105,2%.

8.560 pessoas estão isoladas em casa.

Consultada pelo Amigos, a Prefeitura diz:

A Secretaria de Saúde pelotense mantém contato com os hospitais para que, caso seja necessário, possa reativar leitos clínicos e de UTI, mas essa reabertura não é tão rápida, pois envolve uma série de fatores, como a disposição de espaço e de equipes médicas de retaguarda, que precisam ser exclusivas para atender pacientes Covid e também de financiamento federal. Caso isso aconteça, será divulgado.

Publicidade
Comitê UFPel alerta para necessidade de medidas extras para enfrentar covid em Pelotas

Continue Reading



Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em alta