Aulas retornam de forma híbrida a partir de quarta-feira

A partir da próxima quarta-feira (25), as aulas das escolas da rede municipal de ensino de Pelotas retornam de forma híbrida (presencial e remota). Esse processo vai seguir um cronograma, elaborado pela Prefeitura em conjunto com a Secretaria de Educação e Desporto (Smed) e equipes diretivas, iniciando pela Educação Infantil e 1º e 2º anos do Ensino Fundamental. No dia 1º de setembro, retornam os alunos de 3º a 5º anos, seguidos pelos de 6º a 9º e Ensino Médio, no dia 8 de setembro.

De acordo com o calendário estabelecido, na segunda-feira (23), voltam os funcionários e professores para recebimento dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além da ambientação sobre os protocolos e medidas sanitárias na escola e a realização de reuniões das direções com professores e servidores. As reuniões entre os profissionais da educação se repetem na terça (24).

Na quarta-feira, então, retornam às aulas os alunos da Educação Infantil e 1º e 2º anos do Ensino Fundamental. Já no dia 1º de setembro, quarta-feira, é a vez dos estudantes que integram os 3º a 5º anos do Ensino Fundamental voltarem no ensino híbrido. Por fim, no dia 8, está previsto o retorno dos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio.

A titular da Smed, Adriane Silveira, afirma que “a preparação para o retorno às escolas tem sido um processo de construção a muitas mãos, envolvendo a Secretaria, as equipes diretivas das escolas e suas comunidades escolares, mas também um trabalho intersetorial com as secretarias de Saúde e Assistência Social”.

É importante ressaltar que as instituições de ensino estão preparadas para esse recomeço. Foi realizada a capacitação dos trabalhadores, EPIs foram adquiridos para o uso dos profissionais e materiais pedagógicos foram comprados, via licitação, a fim de evitar o compartilhamento entre alunos em sala de aula. Além disso, máscaras laváveis serão distribuídas e a merenda escolar será garantida, tudo isso com higiene, prezando pela segurança de todos os envolvidos no processo educativo.

Orientações aos pais e alunos

O uso de máscara durante todo o tempo de permanência nas escolas municipais é indicado para crianças a partir dos cinco anos de idade e obrigatório a partir dos 10 anos. Os estudantes devem chegar à escola com a máscara limpa e levar, pelo menos, mais uma para troca. É essencial manter o distanciamento e higienizar constantemente as mãos, assim como as superfícies dos locais e objetos passarão por limpeza.

Aos pais, é solicitado que não enviem os filhos caso algum membro da família apresente sintomas gripais. Ademais, deve-se comunicar imediatamente a escola se o aluno for considerado um caso suspeito ou testar positivo para a Covid-19.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.