Connect with us
https://www.mvpthemes.com/zoxnews/wp-content/uploads/2017/07/zox-leader.png

Pandemia

Covid: novos grupos recebem segunda dose a partir do dia 13 de outubro

Ações destinadas a pessoas com 36, 35 e 34 anos ou mais serão realizadas no Centro de Eventos e nos pontos da campanha nos bairros da cidade

Publicado

on

A partir de quarta-feira, 13 de outubro, novos grupos por faixa etária começam a receber o complemento da imunização ao coronavírus, em ações organizadas pela Prefeitura para ocorrerem no drive-thru do Centro de Eventos e nos pontos dos bairros da cidade.

No dia 13, pessoas com 36 anos que receberam a primeira dose da vacina Pfizer em 10 de julho podem procurar o drive. Na quinta, dia 14, será a vez daqueles com 35 anos, vacinados em 14 de julho, também com Pfizer. Por fim, no dia 15, sexta-feira, recebem a segunda parte da proteção todos com 34 anos que iniciaram o processo em 15 de julho, com a Pfizer.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ainda prevê uma ação em 15 de outubro, mas desta vez nos bairros, para imunizar pessoas de 36 anos ou mais, que receberam a primeira dose da Astrazeneca em 16 de julho.

Confira a programação completa para os próximos dias:

No drive-thru, das 9h às 17h

Centro de Eventos (com entrada pela avenida Pinheiro Machado)

*Sexta-feira (8/10) – 2ª dose para 38 anos ou mais, para pessoas vacinadas com Pfizer em 8/7;

*Sábado (9/10) – 2ª dose para 37 anos ou mais, para pessoas vacinadas com Pfizer em 9/7;

*Quarta-feira (13/10) – 2ª dose para 36 anos ou mais, para pessoas vacinadas com Pfizer em 10/7;

*Quinta-feira (14/10) – 2ª dose para 35 anos ou mais, para pessoas vacinadas com Pfizer em 14/7; e

*Sexta-feira (15/10) – 2ª dose para 34 anos ou mais, para pessoas vacinadas com Pfizer em 15/7.

Nos bairros, das 10h às 15h

– Sexta-feira (8) – 2ª dose para 39 anos, para pessoas vacinadas com AstraZeneca em 8/7;

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que não haverá ação de segunda dose para pessoas de 37 e 38 anos nos bairros, pois a primeira dose foi feita com o imunizante de dose única.

Quem perdeu a segunda dose

A SMS salienta que aquelas pessoas que por algum motivo não conseguiram comparecer aos locais da campanha nas datas previstas para a sua segunda dose, poderão procurar as ações destinadas à complementação da proteção outras grupos. Nesses casos é importante observar qual vacina estará sendo aplicada, pois precisa ser a mesma que o cidadão recebeu como primeira dose.

Endereços dos pontos de vacinação nos bairros

– Pelotas Parque Tecnológico – avenida Domingos de Almeida, 1.785 – Areal

– Colégio Pelotense – Auditório, entrada pela avenida Bento Gonçalves – Centro

– Paróquia São José – avenida Duque de Caxias, 520 – Fragata

– Prédio 2, Faculdade Anhanguera – avenida Fernando Osório, 1970 – Três Vendas – este endereço substituirá, até o dia 16 de outubro, o ponto de vacinação localizado na Associação Rural (Casa da Amizade).

Confira a documentação necessária

– Carteira de Vacinação para comprovar a 1ª dose;

– Comprovante de residência;

– Documento de identidade; e

– Cartão SUS ou CPF.

O que a SMS recomenda

A SMS esclarece que, como regra geral, todas as vacinas recomendadas no Calendário Nacional de Vacinação podem ser aplicadas no mesmo dia, sendo assim, não é mais preciso aguardar o intervalo mínimo de 14 dias entre a aplicação do imunizante contra a Covid-19 e qualquer outra do calendário.

Vale lembrar que segue valendo a orientação às pessoas que apresentarem sintomas gripais de não comparecerem na data marcada. O mesmo vale para quem tiver positivado para o coronavírus. É necessário aguardar 30 dias do início dos sintomas para receber a aplicação.

Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.

Brasil & Mundo

CPI quer Bolsonaro banido das redes por associar covid e Aids

A CPI quer a retratação do presidente da República e que ele seja banido das redes sociais

Publicado

on

Na última sessão da CPI da Covid, agora, a maioria dos senadores aprovou dois requerimentos pedindo a responsabilização de Jair Bolsonaro pela mentira de ter associado a vacina contra a Covid à Aids.

A CPI quer a retratação do presidente da República e que ele seja banido das redes sociais.

“O senador Jorginho acha que as palavras do presidente estão corretas”, provocou o presidente do colegiado, Omar Aziz (PSD). “Eu não pedi comentário”, rebateu o governista.

Aziz:“A Presidência é uma instituição, não é um cargo de boteco, em que você fala o que quer, tomando cerveja e comendo churrasquinho.”

Continue Reading

Brasil & Mundo

CPI da Pandemia do Senado vota hoje relatório final dos trabalhos

Entre as novidades estão novos indiciados

Publicado

on

A Comissão Parlamentar de Inquérito da Pandemia do Senado vota hoje (26) em reunião prevista para começar 10 horas o relatório final dos trabalhos, elaborado pelo senador Renan Calheiros. A sessão que marca o fim de seis meses de trabalho do colegiado será aberta com o relator apresentando os ajustes feitos no texto desde a semana passada, quando a primeira versão do documento foi apresentada oficialmente aos senadores.

A versão que irá a voto traz as últimas considerações, discutidas pelo grupo majoritário da comissão que se reuniu ontem. Entre as novidades estão novos indiciados. “Temos mais dez, totalizando 76 pedidos de indiciamento, com duas empresas, que também foram indiciadas e constavam na primeira versão do relatório”, adiantou o vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues ( Rede-AP). Os novos pedidos de indiciamento, observou o senador, foram motivados especialmente pela negociação da vacina da Davati e pela disseminação de fake news.

PUBLICIDADE

Após essa fase, o presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM), concederá 15 minutos, com mais cinco de tolerância, para os senadores Marcos Rogério (DEM-RO), Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Eduardo Girão (Podemos-CE) apresentarem seus pareceres alternativos ao de Renan.

Feitas as apresentações os senadores vão discutir os pontos do documento final e em seguida será aberto processo de votação nominal aberta do texto do relator. Para aprovação do relatório final basta aprovação em maioria simples, metade mais um dos membros titulares presentes.

Em seis meses de trabalho a CPI da Pandemia realizou 67 reuniões, votou mais de 500 requerimentos e 190 quebras de sigilo.

PUBLICIDADE

Clique aqui para um tour pela Escola Mario Quintana

https://marioquintana.com.br/tourvirtual/

Continue Reading

Brasil & Mundo

Pela 1ª vez Face e Insta derrubam live em que Bolsonaro associou Aids à vacina da Covid

O vídeo não está mais disponível nem no Facebook nem no Instagram

Publicado

on

Na noite deste domingo (24), o Facebook derrubou a live semanal de Jair Bolsonaro transmitida na última quinta-feira (21). O vídeo não está mais disponível nem no Facebook nem no Instagram.

De acordo com a empresa, o motivo para a exclusão foram as políticas relacionadas à vacina da Covid-19. “Nossas políticas não permitem alegações de que as vacinas de Covid-19 matam ou podem causar danos graves às pessoas”, informa a Folha.

Bolsonaro afirmou durante live em 21 de outubro que “vacinados [contra a Covid] estão desenvolvendo a síndrome da imunodeficiência adquirida [Aids]”. Ele leu uma notícia falsa alertando para o suposto perigo. 

Médicos afirmam que a associação entre a vacina contra o coronavírus e a transmissão do HIV, o vírus da Aids, é falsa e inexistente.

Esta é a primeira vez que a empresa remove uma live semanal de Jair Bolsonaro. 

PUBLICIDADE

Clique aqui para um tour pela Escola Mario Quintana

https://marioquintana.com.br/tourvirtual/

Continue Reading

Em alta