Connect with us

Pelotas e RS

Após 19 meses, UFPel retoma atividades acadêmicas presenciais

Ao todo, 125 disciplinas iniciaram as atividades práticas de forma presencial

Publicado

on

A Universidade Federal de Pelotas (UFPel) retomou, na segunda-feira (18), algumas atividades acadêmicas presenciais. O retorno ocorreu após 19 meses de atividades remotas devido à pandemia da Covid-19.

Ao todo, 125 disciplinas iniciaram as atividades práticas de forma presencial, depois de um período de planejamento cuidadoso que envolveu diversos setores da Universidade.

De acordo com a vice-reitora, Ursula Rosa da Silva, a retomada gradual das atividades presenciais iniciou após vários estudos, obras e adaptações necessárias para um retorno com segurança.

“Estamos felizes por estar concretizando o retorno que está sendo planejado há bastante tempo, constituímos uma comissão especial para acompanhar as obras e adaptações necessárias nos espaços e orientar as unidades acadêmicas na questão da segurança sanitária”, explicou.

PUBLICIDADE

Clique aqui para um tour pela Escola Mario Quintana

Publicidade
https://marioquintana.com.br/tourvirtual/

A vice-reitora também destacou que foram feitas visitas presenciais para avaliar os espaços e a organização de toda a infraestrutura necessária para o retorno. “Além disso, organizamos a demanda de transporte nos horários das aulas e dos Restaurantes Universitários”, informou.

De acordo com Ursula, a ideia é ampliar a oferta de disciplinas presenciais para o próximo semestre e a comunidade acadêmica está discutindo as propostas para o Calendário Acadêmico de 2022, mas a expectativa é que o calendário de 2022 já seja presencial.

Gastronomia

Uma das turmas que retornou ao presencial foi a de Gastronomia. O curso dividiu as seis semanas de atividades práticas em duas disciplinas, sendo que cada professor ficará responsável por uma semana. Além disso, foi necessário realizar a seleção de dez estudantes entre os que estavam aptos, para manter 30% da capacidade máxima da sala de aula.

A professora Angela Galvan ministrou a primeira semana de aulas práticas de Cozinha Brasileira. “Reservamos a manhã de segunda-feira para a parte teórica da disciplina e para a compra dos insumos necessários para a preparação dos pratos e no decorrer da semana realizamos as aulas práticas.

Na sexta-feira os estudantes realizaram a prova prática. Os alunos estavam bem empolgados e as aulas foram tranquilas. Todos receberam máscaras N95 e face shield e organizamos a dinâmica da aula para assegurar a biossegurança dos estudantes, mantendo o distanciamento”, explicou.

Medicina Veterinária

Na Medicina Veterinária, os professores também realizaram um planejamento para que as aulas ocorram com segurança. O professor Cristiano Silva da Rosa ministrou a disciplina de Semiologia e destacou que os estudantes estão sendo orientados para utilização das máscaras N95 e para que após as aulas não se reúnam em grupos durante a permanência no Campus.

“O retorno foi satisfatório, os alunos estão muito dispostos, tendo em vista o tempo que estiveram afastados. Estamos mantendo todos os cuidados, algumas aulas estão sendo realizadas na parte externa do Hospital Veterinário, com a divisão dos estudantes em três grupos e com a disponibilização de mais de um animal para fazer os treinamentos evitando aglomeração”, informou.

PUBLICIDADE

Publicidade

Normas para o retorno presencial

A Administração Central da UFPel preparou um compilado de todas as portarias que versam sobre cuidados contra a disseminação do coronavírus nas atividades administrativas e acadêmicas da Instituição.

O documento pode ser acessado no link: Informações Sobre a Covid-19

Orientações da PRE

A Pró-Reitoria de Ensino (PRE/UFPel) lançou um comunicado com as principais orientações a respeito do retorno às atividades práticas presenciais.

O documento traz informações sobre a organização do retorno a Pelotas; realização de TCCs, estágios e práticas diversas; procedimentos em caso de contágio; datas importantes e as condições de retorno às aulas práticas presenciais. Também há orientações para quem não pode cursar as práticas presenciais neste período letivo.

Publicidade

Leia na íntegra aqui.

Disque COVID UFPel

A UFPel disponibilizou um telefone para orientações sobre quais as condutas devem ser seguidas pelos membros da comunidade acadêmica que estiverem com suspeita ou confirmação de COVID-19 ou que tenham mantido contato com casos suspeitos/confirmados.

O serviço de vigilância e monitoramento da COVID-19 na UFPel funciona pelo telefone (53) 3284.4088, de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Publicidade
Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor.

Especial

Sistema de agendamento para vacinação infantil está disponível

Publicado

on

Sistema de agendamento para vacinação infantil está disponívelPais e responsáveis podem acessar o site para escolher o melhor dia e horário para a criança receber a vacina contra a Covid-19

Foi disponibilizado nesta terça-feira (18), no site do coronavírus da Prefeitura, o acesso para que pais ou responsáveis façam o agendamento para a vacinação das crianças entre 5 e 11 anos, com comorbidades ou deficiências. O sistema foi desenvolvido pela Companhia de Informática de Pelotas (Coinpel) com o objetivo de agilizar o atendimento e evitar aglomerações ou tempo maior de espera na Unidade de Vacinação Infantil instalada na Unidade Básica de Atendimento Imediato (Ubai) Navegantes, onde o processo começará nesta quarta-feira (19).

———————————————————————————————-

Acesse o sistema de agendamento da vacinação das crianças aqui

———————————————————————————————-

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) esclarece que, caso o usuário tenha dificuldade ou não tenha acesso à internet, poderá fazer a marcação para imunização da criança em qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS).

O próprio sistema fará o cálculo do número diário de agendamentos disponibilizados para vacinação e liberará para a população. A previsão é que sejam feitas dez aplicações de vacina a cada meia hora. É preciso considerar também que, após a aplicação, as crianças deverão ficar em observação, em um espaço apropriado, durante 20 minutos.

Publicidade
Casos especiais

Importante ressaltar que as crianças residentes na zona rural do município serão imunizadas nas UBSs próximas aos seus domicílios, também a partir de quarta-feira. Cada unidade organizará sua programação, com agendamento para datas específicas. Caso a família prefira, poderá agendar e levar o menor para receber a vacina na Unidade de Vacinação Infantil.

Crianças indígenas e quilombolas serão imunizadas em ações exclusivas para os seus grupos. Os indígenas receberão a visita das equipes da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai). Já os quilombolas serão vacinados nas UBSs mais próximas das suas comunidades, evitando que precisem se deslocar até o ponto fixo onde a campanha estará concentrada.

Públicos a serem vacinados por agendamento

Neste primeiro momento, de acordo com o Informe Técnico nº 01/2022 da Secretaria Estadual da Saúde, o sistema só permitirá o agendamento de crianças de 5 a 11 anos com deficiência permanente ou comorbidades, que estejam enquadradas nos casos abaixo:

– Obesidade

– Pneumopatias Crônicas Graves

– Outros imunodeprimidos

– Hemoglobinopatia grave

Publicidade

– Doença cardiovascular

– Doença neurológica crônica

– Diabete Mellitus

– Doença Renal crônica

– Síndrome de Down

– Cirrose Hepática

Ainda conforme a SMS, até o final desta semana serão definidas novas estratégias de imunização para as crianças, inclusive para aquelas com comorbidades ou deficiência acamadas. Lembrando que o local designado para a imunização só poderá realizar a aplicação da vacina contra a Covid-19, não podendo aplicar nenhum outro tipo de vacina do calendário naquele dia.

Publicidade
Confira a documentação necessária

– Atestado (simples – não precisa ser padrão) da criança que comprove a comorbidade ou deficiência

– Documento de identidade com foto da criança

– Comprovante de residência do responsável

– Declaração de ciência do responsável legal (disponível no link)

– Caso a criança não tenha documento com foto, poderá ser preenchida uma declaração (disponível no link)

Publicidade
Continue Reading

Pandemia

Crianças com comorbidades e deficiência serão as primeiras a receber vacina

Publicado

on

Crianças com comorbidades e deficiência serão as primeiras a receber vacinaPrimeira remessa para imunizar o público de 5 a 11 anos chegou com 1.530 doses. Aplicação ocorrerá na Ubai Navegantes, mediante agendamento

O primeiro lote com 1.530 doses de vacina conta a Covid-19, destinadas às crianças de 5 a 11 anos, chegou a Pelotas nesta segunda-feira (17). A imunização desse público começará na próxima quarta-feira (19). As aplicações vão ocorrer na Unidade Básica de Atendimento Imediato (Ubai) Navegantes, localizada na rua Darci Vargas, 212, das 9h às 19h30min, mediante agendamento.

Conforme a estrutura organizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que segue o Plano Estadual de Imunização Infantil, a vacinação será, inicialmente, para o grupo prioritário: crianças com deficiência permanente ou com comorbidades e crianças indígenas. O sistema para agendamento estará disponível, a partir desta terça-feira (18), disponível neste link.

Como vai funcionar o agendamento

A Prefeitura, por meio da Companhia de Informática de Pelotas (Coinpel), criou um sistema que permitirá aos pais ou responsáveis a escolha do dia e horário para a imunização da criança. O objetivo desse mecanismo e agilizar o atendimento e evitar aglomerações ou longo tempo de espera. Independentemente do recurso, para quem tiver dificuldade de acesso à internet, a marcação poderá ser feita em qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS).

O próprio sistema vai calcular o número de agendamentos por dia e disponibilizar a população, considerando dez vacinadas a cada meia hora e que cada uma delas, após a aplicação, ainda ficará em observação em um espaço apropriado, pelo período de 20 minutos.

O sistema de agendamento estará disponível na página com informações sobre coronavirus da Prefeitura até esta terça-feira (18).

Publicidade

Público-alvo da vacinação

Para essa campanha de vacinação, neste primeiro momento, o sistema só permitirá o agendamento de crianças de 5 a 11 anos com deficiência permanente ou comorbidades, que são:

– diabetes tipo 2;

– asma;

– doenças cardíacas, pulmonares e neurológicas;

– distúrbios do desenvolvimento neurológico; e

– doenças neuromusculares.

Ainda conforme a SMS, até o final desta semana serão definidas novas estratégias de imunização deste público, inclusive para crianças com comorbidades ou deficiência acamadas. Lembrando que o local designado para a imunização das crianças só poderá realizar a aplicação da vacina contra a Covid-19, não podendo aplicar nenhum outro tipo de vacina do calendário naquele dia.

Publicidade

Documentação

– Atestado (simples – não precisa ser padrão) da criança que comprove a comorbidade ou deficiência

– Documento de identidade com foto da criança

– Comprovante de residência do responsável

– Declaração de ciência do responsável legal (disponível no link)

– Caso a criança não tenha documento com foto, poderá ser preenchida uma declaração (disponível no link)

Vacinação na zona rural

Para as crianças da Colônia de Pelotas, os responsáveis devem procurar a UBS mais próxima á residência, a partir de quarta-feira, e se informar da vacinação. Cada unidade da zona rural fará sua própria programação com agendamento de data específica. Caso os responsáveis prefiram, também podem fazer o agendamento e se deslocarem até a Ubai Navegantes na data marcada.

Atendimento da Ubai

Buscando a preparação para acolher integralmente o processo de vacinação das crianças, a partir das 13h desta terça-feira (16), todos os atendimentos e serviços até então realizados pela Ubai Navegantes serão redirecionados para a UBS Navegantes, que fica em prédio ao lado e as equipes estarão unificadas.

Publicidade

Continue Reading

Pandemia

Pelotas registrou 222 infectados pela covid nas últimas 24 horas

Publicado

on

Pelotas registrou 222 infectados pela covid nas últimas 24 horas, nenhuma morte.

3689 pessoas estão isoladas em casa.

Pelotas teve até hoje 1275 mortes pela doença.

72.1% dos 61 leitos gerais (UTI e enfermaria) disponíveis estão ocupados.

  • 57.9% dos 19 leitos de UTI disponíveis estão ocupados.
  • 78.6% dos 42 leitos disponíveis estão ocupados.

95,7% tomaram a primeira dose, 82,7%, a segunda dose e 17,9%, a terceira dose.

Publicidade
Continue Reading



Publicidade
Publicidade
Publicidade

Em alta