Connect with us

Especial

Confira o cronograma de retorno nas escolas municipais

Publicado

on

Nesta segunda-feira (8), teve início o retorno às aulas presenciais, de maneira obrigatória, na rede municipal de ensino em Pelotas.

De acordo com a definição da Prefeitura, articulada pela Secretaria de Educação e Desporto (Smed) com as instituições de ensino, as escolas terão até quinta-feira (11) para se organizar e comunicar as famílias dos estudantes sobre a volta presencial, a fim de contribuir para a retomada estruturada e totalmente segura das atividades.

Neste primeiro dia, as Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) Erasmo Braga, Júlio de Castilhos, Lima e Silva e Evaristo da Veiga, todas localizadas na zona rural da cidade, receberam os alunos.

Na terça-feira (9), retornam às aulas presenciais oito escolas de Ensino Fundamental. Na quinta-feira (11), 42 Emefs retomam a presencialidade. Também na quinta, todas as Escolas Municipais de Ensino Infantil (Emeis) voltam às atividades nas sedes.

A Prefeitura reforça que o retorno ao ensino presencial é importante para a retomada da aprendizagem, após mais de um ano e meio com aulas remotas. Essa obrigatoriedade considera a estabilização dos números relativos à pandemia da Covid-19 e a segurança e proteção que os ambientes escolares proporcionam. As medidas sanitárias e de distanciamento, bem como os protocolos de prevenção e monitoramento, serão seguidos à risca.

Programação de retorno presencial

Publicidade

– Emefs que retornam na terça-feira (9)

* Emef Garibaldi

* Emef Henrique Petter

* Emef Honorina Torres

* Emef João José de Abreu

* Emef Artur Souza Costa

* Emef Braulinda Fernandes

Publicidade

* Emef Bruno Chave

* Emef Dona Maria Joaquina

– Emefs que retornam na quinta-feira (11)

* Emef Afonso Vizeu

* Emef Alcides de Mendonça Lima

* Emef Almirante José Saldanha da Gama

* Emef Antônio Joaquim Dias

Publicidade

* Emef Antônio Ronna

* Emef Balbino Mascarenhas

* Emef Bibiano de Almeida

* Emef Brum de Azeredo

* Emef Carlos Laquintinie

* Emef Cecília Meireles

* Centro de Atendimento ao Autista Doutor Danilo Rolim de Moura

Publicidade

* Emef Círculo Operário Pelotense

* Colégio Municipal Pelotense

* Emef Dona Maria Antônia

* Emef Doutor Joaquim Assumpção

* Emef Dom Francisco de Campos Barreto

* Emef Ferreira Viana

* Emef Francisco Caruccio

Publicidade

* Emef Frederico Ozanann

* Emef Independência

* Emef Jacob Brod

* Emef Jeremias Froe

* Emef Joaquim Nabuco

* Emef Jornalista Deogar Soares

* Emef Luiz Augusto de Assumpção

Publicidade

* Emef Machado de Assis

* Emef Mariana Eufrásia

* Emef Mário Meneghetti

* Emef Ministro Fernando Osório

* Emef Nossa Senhora das Dores

* Emef Nossa Senhora de Lourdes

* Emef Nossa Senhora do Carmo

Publicidade

* Emef Núcleo Habitacional Getúlio Vargas

* Emef Núcleo Habitacional Dunas

* Emef Olavo Bilac

* Emef Osvaldo Cruz

* Emef Piratinino de Almeida

* Emef Professora Daura Ferreira Pinto

* Emef Professora Luciana de Araújo

Publicidade

* Emef Professora Maria Helena Vargas da Silveira

* Emef Santa Irene

* Emef Santa Teresinha

– Emeis retornam na quinta-feira (11).

Relembre

Em Pelotas, existem 93 escolas na rede municipal de ensino de Educação Básica (formada pelos níveis de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio). Dessas, 88 retornarão ao ensino presencial até quinta-feira; as cinco restantes estão em processo de reformas estruturais e seguem apenas com atividades remotas. 

Cinco Emefs retornam à modalidade presencial sem escalonamento de alunos e 11 voltam com a totalidade dos alunos de algumas turmas sem escalonamento e com demais turmas com escalonamento. O restante das escolas retoma as aulas com todos os alunos com escalonamento, seguindo os protocolos.

Publicidade

Confira a listagem

– Emefs que retornam ao presencial sem escalonamento: Júlio de Castilhos; Lima e Silva; Evaristo da Veiga; Honorina Torres; e Wilson Müller.

– Emefs que os alunos de algumas turmas retornam ao presencial sem escalonamento e outras turmas retornam com escalonamento: Alberto Rosa; Dona Maria Joaquina; Doutor Berchon; Erasmo Braga; Garibaldi;  Henrique Peter; João da Silva Silveira; Márcio Dias; Waldemar Denzer; Brum de Azeredo; e Maria Helena Vargas da Silveira.

Publicidade
Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor.

Brasil & Mundo

Aos 72 anos, morre a atriz Mila Moreira

Mila começou a trabalhar como modelo nos anos 60

Publicado

on

Morreu hoje (6), no Rio de Janeiro, a atriz Marilda Moreira da Silva, conhecida por Mila Moreira. Ela tinha 72 anos e estava internada no Hospital Copa Star, em Copacabana. A causa da morte não foi divulgada.

Mila começou a trabalhar como modelo nos anos 60. Nos anos 70, foi jurada do programa do Chacrinha.

Ela foi uma das primeiras modelos a migrarem do mundo da moda para as novelas de televisão. Em 1979, trabalhou na sua primeira novela: Marrom Glacê, de Cassiano Gabus Mendes, na Rede Globo.

Participou de mais de 30 novelas e minisséries para a televisão. No cinema, trabalhou em seis produções.

Mila Moreira foi casada com o designer Hans Donner e com os atores Luis Gustavo, Gracindo Junior e Eduardo Conde.

Publicidade
Continue Reading

Brasil & Mundo

Projeto cria cadastro nacional com foto de pedófilos

Os dados serão levantados pelo Conselho Nacional de Justiça

Publicado

on

Um cadastro nacional vai reunir pessoas condenadas por crimes relacionados à pedofilia. A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (6) o projeto de lei que cria esse cadastro. 

Os dados serão levantados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Além das informações, a ficha contará com foto do condenado.

Entre os crimes estão estupro de vulnerável; corrupção de menores; exploração sexual de criança, adolescente ou vulnerável; e delitos praticados por meios digitais, como produzir, armazenar, divulgar ou expor vídeo de sexo envolvendo criança ou adolescente.

A matéria é de autoria do deputado Nivaldo Albuquerque (PTB-AL) e será analisada pelas comissões de Seguridade Social e Família e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ). Como tem caráter conclusivo, uma vez aprovada, não vai a plenário.

Continue Reading

Especial

Hospital Escola recebe R$ 1,2 milhão e vai adquirir mamógrafo

Publicado

on

O Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel) foi contemplado com uma parcela extra do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf) no valor de R$ 1.265.155,50.

Deste total, o valor de R$ 910.155,50 será destinado à aquisição de um novo mamógrafo para a instituição e R$ 355.000,00 serão destinados à continuidade da implementação da Gestão de Acesso do HE.

Esse recurso provém da redistribuição de valores não executados na rede, para hospitais que estão com processos licitatórios concluídos e com capacidade administrativa de executar o recurso. Essa aquisição é fruto do planejamento e eficiência administrativa do Hospital Escola da UFPel.

“O mamógrafo que será adquirido é um equipamento de ponta que traz mais qualidade ao exame de mamografia ofertado e aumento significativo na capacidade operacional, a fim de atender uma importante demanda da nossa população. Vamos contribuir fortemente na eliminação da lista de espera pelos exames de mamografia, essenciais para prevenção e tratamento do câncer de mama”, destacou a superintendente do HE, Samanta Madruga.

Conforme a gerente de atenção à saúde, Carolina Ziebell, atualmente o HE tem contratualizado com a Prefeitura de Pelotas via Sistema Único de Saúde (SUS), 600 mamografias por mês, porém tendo em vista que o aparelho atual está em via de desativação em função das atualizações tecnológicas que tornaram o equipamento defasado e antieconômico, a verba recebida será empenhada para um novo equipamento, inclusive com tecnologia mais avançada.

“Com a chegada deste novo aparelho teremos uma qualificação do exame, pois ele faz uma imagem com maior qualidade e retomaremos os 600 exames ao mês, podendo inclusive aumentar esta produção, se for o interesse do gestor municipal”, explicou Carolina.

Publicidade

O mamógrafo digital irá ser utilizado imediatamente após o recebimento e instalação, não sendo necessária qualquer ação de infraestrutura para o pleno funcionamento. Conforme a gerente administrativa, Daniele Zaffalon, a previsão de entrega é cerca de 120 dias.

Já a Gestão de Acesso é uma demanda antiga do Hospital Escola, que prevê a solução de tecnologia da informação com objetivo de dar segurança à instituição através da identificação no acesso das pessoas ao hospital, utilizando critérios pré-configurados e registrando todos os eventos relativos a esta atividade.

De acordo com o chefe do Setor de Planejamento, Mauro Calderipe, o HE foi o hospital que recebeu mais recursos extras dentro de toda rede, tendo em vista que o planejamento havia sido bem executado, com as licitações concluídas no tempo adequado e a capacidade de empenho dentro do tempo previsto.

Continue Reading



Publicidade
Publicidade

Mais lidas em três dias