Connect with us

Eleições 2022

Pesquisa da Genial/Quaest mostra Lula disparado na frente e tucanos com 1%

Publicado

on

`Nova pesquisa da Genial/Quaest sobre as intenções de voto para as eleições de 2022, divulgada nesta quarta-feira. Lula lidera em todos os cenários.

Primeiro cenário:

Lula: 48% dos votos; Bolsonaro, 21%; Moro, 8%; Ciro Gomes, 6%; Doria, 2%; e Rodrigo Pacheco (PSD), 1%. Brancos e nulos, 10%; de indecisos, 4%.

Segundo cenário:

Lula teria 47% dos votos; Bolsonaro, 21%; Moro, 8%; Ciro Gomes, 7%; Leite, 1%; e Pacheco, 1%. O número de brancos e nulos e de eleitores indecisos é igual.

Num páreo só com Lula e Bolsonaro, 46% preferem o petista. Em segundo, 25% dos eleitores não querem nem Lula nem Bolsonaro. Bolsonaro tem 22%.

Publicidade

Nas simulações de segundo turno, Lula vence em todos os cenários: 57% dos votos contra 27% de Bolsonaro;  57% contra 22% de Moro; e 53% contra 20% de Ciro Gomes.

O levantamento foi entrevista cara a cara, feito dos dias 3 a 6 de novembro, com 2.063 entrevistas – em 123 municípios nos 26 estados e no Distrito Federal.  O nível de confiança da pesquisa é de 95%, e a margem de erro, de 3%, para cima ou para baixo.

A reprovação ao governo subiu de 45% para 56%, entre julho e novembro deste ano. Já a aprovação caiu de 26% para 19% no período. Além disso, 69% dos entrevistados acham que Bolsonaro não merece ser reeleito.

Publicidade
Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor.

Brasil & Mundo

MPF reconhece prescrição de caso do tríplex contra Lula

Os advogados de Lula afirmam que o pedido de arquivamento apresentado pelo MPF “deve pôr fim ao caso

Publicado

on

O Ministério Público Federal reconheceu, na segunda-feira (6), a prescrição do caso envolvendo o ex-presidente Lula na denúncia relacionada ao tríplex no Guarujá.

O MPF afirma que “a pretensão punitiva estatal encontra-se prescrita para Luiz Inácio Lula da Silva” a partir da queda pela metade do tempo de prescrição que a Constituição prevê para investigações de crimes contra pessoas que tenham 70 anos ou mais.

A idade do presidente, hoje com 76 anos, inviabiliza a apresentação de uma nova denúncia.

Em carta, os advogados de Lula afirmam:

“O pedido de arquivamento apresentado pelo MPF “deve pôr fim ao caso, que foi construído artificialmente a partir do conluio do ex-juiz Sérgio Moro e do ex-procurador Deltan Dallagnol para prender o ex-presidente Lula e retirá-lo das eleições de 2018”.

Lula foi condenado por supostamente ter recebido benefícios relacionados a reforma de um tríplex na cidade do Guarujá, que foi atribuído à posse do ex-presidente. Segundo a denúncia, a reforma do apartamento foi paga como parte de um esquema de corrupção envolvendo a Petrobras e construtoras.

Publicidade

Lula foi condenado em primeira instância pelo então juiz Sergio Moro e, em seguida, teve sua condenação mantida pelo STJ e pelo Supremo. Em abril de 2021, o STF reverteu a decisão e validou a suspeição e incompetência de Moro para julgar o caso.

O Supremo anulou todos os atos de Moro, incluindo a fase pré-processual, o que exigiria uma nova denúncia.

Com a prescrição, porém, o MPF não pode solicitar nova investigação sobre o tríplex e o caso está arquivado.

Continue Reading

Brasil & Mundo

Moro visita Leite

Publicado

on

Sergio Moro e a deputada federal Renata Abreu, presidente nacional do Podemos, visitaram o governador Eduardo Leite, neste sábado (4). Moro veio a Porto Alegre para a convenção estadual do Podemos.

Nas redes, Leite registrou.

“Tivemos uma boa conversa. O combate às desigualdades, a retomada da economia e a importância da construção de convergências políticas para trazer o país de volta ao equilíbrio e ao bom senso estiveram na pauta. Obrigado pela visita!”

Falou ainda que, se houver compatibilidade de agendas, programas e projetos com Moro, poderá estabelecer uma aliança futura com o presidenciável do Podemos.

Continue Reading

Brasil & Mundo

Pesquisa Sensus dá Lula com 42%

Na pesquisa espontânea, a vantagem diminui um pouco

Publicado

on

Pesquisa Sensus/IstoÉ, divulgada na manhã desta sexta (3), confirma outras pesquisas e dá o ex-presidente Lula na liderança das intenções de voto.

O petista aparece com 42,6%, enquanto Bolsonaro, recém filiado ao Partido Liberal, tem 24,2%. A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 28 de novembro.

O ex-juiz e ex-ministro de Bolsonaro, Sérgio Moro (Podemos), está em terceiro lugar, com 7,5%, seguido por Ciro Gomes (PDT), que tem 5,3%, e João Doria (PSDB), com 1,8%. 2,8% dos entrevistados disseram pretender votar em outros candidatos.

Na pesquisa espontânea, a vantagem diminui um pouco. O ex-presidente é citado por 33,6% das pessoas e Bolsonaro por 21,5%. 38% do eleitorado se disse “indefinido”. Além disso, 61,9% dos eleitores dizem que, se tivesse outra opção, não votariam em nenhum dos dois.

Segundo turno

No levantamento sobre o segundo turno, Lula vence em todos os cenários que participou (contra Bolsonaro, contra Doria e contra Moro).

O único cenário em que Bolsonaro venceria seria contra o governador de São Paulo. Ele perderia, em um eventual segundo turno, para Lula, Ciro e Moro.

Publicidade

Continue Reading



Publicidade
Publicidade

Mais lidas em três dias