Votar ou não votar: por que votar?

Renato Sant’Ana * Se alguém lhe pedir o título eleitoral emprestado para votar em seulugar, você empresta? Não é provável. Quem praticaria tal ato que, alémde ilícito, é uma tremenda burrice? Pois desperdiçar o voto…

Omissão e consequências

Renato Sant’Ana, advogado e psicólogo Enquanto pessoas boas encontram justificativas para não agir, as más são más em tempo integral. É bem útil observar o que ocorreu no Rio de Janeiro em 2016. Na eleição…

A cidade à mercê das vontades

Um idoso de 72 anos queixou-se ao vizinho cujo filho (de 16) estava, como de hábito, chutando uma bola contra o portão de sua casa. Foi osuficiente para que filho, pai e mãe se juntassem…

Opinião livre: “Os três pecados de Gabriela”. Por Renato Sant’Ana

Numa tarde com a esplêndida luminosidade da primavera no paralelo 30, Gabriela, 17 anos, voltava caminhando da casa da avó quando foi assaltada: tomaram-lhe o smartphone e R$ 30 reais. Ah, mas há que compreender-se…

Opinião livre: “O empresariado brasileiro e a píton da Tanzânia”. Por Renato Sant’Ana

Por Renato Sant’Ana Nos EUA, uma família adotou como bichinho de estimação um filhote de píton proveniente da Tanzânia, uma cobrinha medindo um metro e meio. Descrita como tendo um apetite incomensurável, a píton era…