O DIA DA IRA. Por Adélia Prado

As coisas tristíssimas,o rolomag, o teste de Cooper,a mole carne tremente entre as coxas,vão desaparecer quando soar a trombeta.Levantaremos como deuses,com a beleza das coisas que nunca pecaram,como árvores, como pedras,exatos e dignos de amor.Quando…