Dispara número de ameaças a David Miranda

O deputado federal David Miranda, marido do jornalista e ativista Glenn Greenwald, fundador do Intercept, viu nos últimos dias o número de ameaças via internet disparar.

Ele, que chegou ao cargo após a renúncia de Jean Wyllys, já vinha sendo ameaçado de morte desde março — a diferença é escala.

As mensagens sempre envolvem, além dele, o próprio Greenwald, os filhos de ambos, além de fazer menções ao destino da vereadora assassinada Marielle Franco.

Miranda foi vereador da mesma bancada de Marielle, o PSOL, no Rio de Janeiro. (El País)

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.