MUNICIPÁRIOS EM GREVE POR PRAZO INDETERMINADO

Em assembleia realizada na tarde desta quinta-feira, no Ginásio da Agremiação Pelotense de Esportes, os municipários aprovaram entrar em greve por prazo indeterminado até que o pagamento dos salários seja colocado em dia pelo Governo Municipal.

A greve, proposta pela direção do Sindicato dos Municipários (Simp), foi aprovada pela imensa maioria dos servidores presentes, sendo apenas cinco contrários e havendo quatro abstenções.

A exemplo das assembleias anteriores, os servidores compareceram em grande número.

Além da greve, os municipários aprovaram concentração em frente à Prefeitura a partir de segunda-feira, às 13h, com distribuição de panfletos explicando os motivos da referida greve.

Também foi aprovada uma série de agendas apontadas e que serão organizadas pela comissão de greve juntamente com a direção do Simp. Foi mantido o estado de assembleia permanente.

Com as palavras de ordem “Sem salário, não há trabalho”, os municipários manifestaram sua revolta com o anúncio do atraso no pagamento dos salários por parte da Prefeitura.

Segundo a direção do Simp, “a prefeita Paula Mascarenhas, durante a reunião desta quarta (09) com a direção do Simp e vereadores, informou que vai encaminhar à Câmara projetos de lei que alterarão direitos dos servidores, o que também vêm causando revolta na categoria, que já tem os menores salários entre as prefeituras do RS e até do Brasil , em 70% dos casos com vencimentos básicos abaixo do salário mínimo nacional”.

“Este ano, com o reajuste zero na data-base da categoria, arrochando ainda mais os já baixíssimos salários, a Prefeitura atrasa o pagamento piorando imensamente a situação e as condições de vida dos servidores”.

Obrigado por participar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.