Município tem expectativa de zerar fila de espera para radioterapia em janeiro

Do site da prefeitura |Pelotas vai começar 2020 atendendo toda a demanda de usuários que aguardam tratamento radioterápico através do Sistema Único de Saúde (SUS). A informação foi confirmada está semana pela Prefeitura, através da Secretaria de Saúde (SMS), que garantiu a liberação por parte dos hospitais contratualizados de 51 vagas para o procedimento, o que atende os 23 pacientes programados para janeiro. O município também zerou a demanda por consultas para cirurgias oncológicas.

Segundo a prefeita Paula Mascarenhas, estas são grandes notícias para a saúde de Pelotas, e mostram o resultado de um esforço coletivo das equipes da SMS e dos hospitais.

Até outubro, quando o Poder Público iniciou um trabalho que buscava dar vazão à demanda reprimida na área de oncologia, 143 pessoas aguardavam para iniciar a radioterapia, número que desde então vem caindo, chegando a zero a partir de janeiro. “É uma vitória construída a muitas mãos. Um esforço da Prefeitura, que ampliou o investimento, e também dos hospitais, que viram a importância da ação e colaboraram”, afirma a secretária de Saúde, Roberta Paganini.

Ainda no primeiro quadrimestre de 2020, a expectativa é de que o Município também acabe com a fila de espera por consultas com o médico oncoclínico, que é quem define o tipo de tratamento para cada paciente. Para janeiro, os hospitais contratados – Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE/UFPel) e Santa Casa – liberaram 73 novos atendimentos com este tipo de especialista, deixando outros 129 usuários no aguardo de agenda.

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.