Connect with us
https://www.mvpthemes.com/zoxnews/wp-content/uploads/2017/07/zox-leader.png

Cultura & entretenimento

Show marca cinco anos do Dandô Pelotas

Publicado

on

Duglas Bessa, coordenador do Dandô Pelotas (circuito Extremo-Sul), avisa que na próxima sexta-feira (27) haverá mais uma edição do Dandô Pelotas, com a cantora Beatriz Farias. 

Uma edição especial, pelos cinco anos em que Pelotas faz parte do Circuito Nacional de Música Dercio Marques. 

“Além do show, faremos uma roda de conversa com a artista,  anfitriões e plateia”, conta Duglas.

O Dandô é um projeto cultural colaborativo. 

Beatriz Farias é cantora, compositora, diretora artística, produtora cultural e Psicóloga. Nasceu na cidade de Machacalis, Vale do Mucuri, a 30 km da aldeia dos índios Maxakali, no Estado de Minas Gerais/Brasil.

Desde cedo se colocou a favor da causa dos povos indígenas e quilombolas.

Sua musicalidade é permeada pela sonoridade regional da cultura popular, e agrega fortes influências étnicas, como dos povos indígenas e de matriz africana. O espetáculo “Ubuntu – Um Canto pela Paz” estreado em 2017 ressalta essa perspectiva, levando o público a uma viagem ancestral e feminina através do som.

Grande mobilizadora cultural desenvolve projetos nos Vales do Mucuri e Jequitinhonha, dentre eles coordena o Projeto “Boi na Rua” idealizado pela Flor & Cultura e o Projeto “Dandô – Circuito de Música Dércio Marques”. Há 23 anos faz a direção artística e preparação vocal do Coral das Lavadeiras de Almenara juntamente com Carlos Farias, primo e parceiro de estradar. Tem também gravado o CD “Tikmu’un – Nós Humanos”.

Suas músicas incorporam elementos étnicos como tambores africanos, chocalhos, queñas e zapoñas e suas letras revelam o seu engajamento social e espiritual, o seu compromisso com o homem, a natureza e Deus. Desde dezembro de 2018 está em circulação com o show “Tikmu’un – Nós, humanos” com a participação especialíssima do violonista Dêner Pinheiro, natural de Araçuaí. Um show musical que retrata a nossa existência e insistência dentro do contexto sócio-cultural que vivemos, permeado por canções autorais e do cancioneiro da cultura popular.

Clique para comentar

Obrigado por participar. Comentários podem ser rejeitados ou ter a redação moderada. Escreva com civilidade, por favor. Abç.

Cultura & entretenimento

O tema da vida

Publicado

on

“Não precisei ir aos livros para saber que o tema da vida é conflito e dor. Instintivamente, todas as minhas bufonadas se baseavam nisso: colocar as criaturas em dificuldades e fazê-las sair delas”.

Charles Chaplin.

Chaplin em Ombro, Armas

Continue Reading

Cultura & entretenimento

Baldwin foi informado de que arma era segura

Publicado

on

A arma com que Alec Baldwin matou Halina Hutchins, diretora do filme Hust, rodado em Santa Fé, nos EUA, foi entregue a ele por um assistente de direção.

O homem teria dito que a pistola era segura, segundo a polícia.

O diretor assistente Dave Halls não sabia que a arma tinha munição de verdade e afirmou que ela não estava carregada gritando “arma fria”, segundo o documento judicial.

PUBLICIDADE

Continue Reading

Cultura & entretenimento

Gel de garrafa térmica

Publicado

on

Estamos vivendo mesmo tempos difíceis.

Outro dia, em um vídeo do Reels, uma pessoa, no balcão de uma mercearia, tentou espremer gel higienizador da covid de uma garrafa térmica.

Enganou-se de recipiente, ardeu nas mãos.

Tem que ter resiliência de Kung Fu.

PUBLICIDADE

Clique aqui para um tour pela Escola Mario Quintana

https://marioquintana.com.br/tourvirtual/

Continue Reading

Em alta